09 junho 2015

Defesa de Tese de Mestrado no CCR

Defesa da Tese de Mestrado “Formulação de Pastas Cerâmicas a partir de Matérias-Primas Argilosas dos Concelhos de Vila Viçosa e Redondo para a Produção de Olaria Tradicional”, no CCR.

 No próximo dia 11 de junho, o Centro Cultural de Redondo será o palco privilegiado das Provas para Atribuição de um Grau de Mestre em Engenharia Geológica, do Departamento de Geociências da Universidade de Évora.

Esta apresentação surge no contexto da Tese de Mestrado de Tiago Filipe Lourenço Pereira Alves intitulada “Formulação de Pastas Cerâmicas a partir de Matérias-Primas Argilosas dos Concelhos de Vila Viçosa e Redondo para a Produção de Olaria Tradicional”.

Neste seu trabalho, desenvolvido no Departamento de Geociências da Universidade de Évora, no Cencal, Centro de Formação Profissional para a Indústria Cerâmica, das Caldas da Raínha e na Olaria XT, na vila de Redondo, o mestrando procurou comprovar a aplicabilidade da “terra rossa”, que é um solo residual resultante da dissolução de rochas carbonatadas como matéria-prima cerâmica na olaria.

Ainda no âmbito da defesa da sua tese Tiago Alves apresenta igualmente um estudo para a concretização de uma unidade de produção de pasta cerâmica nesta região alentejana.

Nesta ocasião o júri será presidido pela Professora Doutora Isabel Maria Ratola Duarte (Universidade de Évora) tendo como Arguente o Professor Doutor Celso de Sousa Figueiredo Gomes (Universidade de Aveiro) e como Orientador o Prof. Doutor Ruben Varela Martins (Universidade de Évora).