27 abril 2016

O concelho de Redondo encerrou as comemorações do 42º aniversário do 25 de abril

​O concelho de Redondo encerrou as comemorações do 42º aniversário do 25 de abril, que na edição de 2016 se celebrou ao longo de todo o mês...

​O concelho de Redondo encerrou as comemorações do 42º aniversário do 25 de abril, que na edição de 2016 se celebrou ao longo de todo o mês, com um último fim-de-semana multidisciplinar que congregou diferentes iniciativas, espetáculos musicais e atividades desportivas.


Assim, o fim-de-semana arrancou no dia 23 com diferentes manifestações na freguesia de Montoito que se traduziram num ateliê de leitura de poemas de abril, na Biblioteca Municipal pelas 16h00, e no espetáculo do grupo Júlio Franco Ensemble na Sociedade Recreativa 1º de dezembro em Aldeias de Montoito que contou com sala cheia.

Já no dia 24 , o programa arrancou com a realização da segunda edição da Corrida da Liberdade como resultado de uma organização conjunta da autarquia, Junta de freguesia de Redondo e Associação de Atletismo de Évora. A prova reuniu aproximadamente 2 centenas de atletas e entusiastas compreendidos entre os Benjamins A e os Masters 50 convidando-os a correr percursos compreendidos entre os 500 e os 8000 metros pelas ruas da vila.

Também no dia 24, por volta das 22h00, ambas as freguesias do concelho receberam um espetáculo musical alusivo à ocasião celebrando os valores de Abril em conjunto com a população. Em Aldeias de Montoito coube à Filarmónica União Montoitense subir ao palco da Sociedade Recreativa 1º de dezembro enquanto Redondo recebeu o conceituado quinteto de Jazz de Lisboa num agradável concerto, no palco exterior do Centro Cultural de Redondo.

Foi sobre a manhã do dia 25, na Praça da República, que recaiu todo o simbolismo cumprindo-se assim a cerimónia solene que se assume como um dos momentos altos do programa incentivando a uma reflexão sobre os valores de Abril. Em uníssono, e perante a bandeira nacional, o executivo municipal, as associações e a população celebraram a liberdade e a democracia, a dignidade e os direitos conquistados.

 
Já durante a tarde, o palco exterior do Centro Cultural de Redondo voltou a ser o epicentro das celebrações, com a realização de um espetáculo musical e etnográfico que colocou em relevo as entidades artísticas do concelho. Cabendo ao grupo Coral de Montoito a abertura da tarde logo se seguiram o Grupo Instrumental de Montoito, o Júlio Franco Ensemble, as Cantadeiras de Redondo, o Rancho Folclórico de Foros da Fonte Seca e a Banda Filarmónica de Redondo, em torno de uma das maiores riquezas culturais do concelho - O cante.

O Município de Redondo expressa os seus mais sinceros agradecimentos a todos os que possibilitaram a celebração de mais um aniversário da Revolução de Abril, deixando um especial reconhecimento a todas as associações e ao povo que, como Abril nos ensinou, é de facto quem mais ordena…

Consulte as fotos aqui